Homens armados abriram fogo contra fiéis que rezavam numa mesquita sunita em Imam Wais, a nordeste de Bagdad, matando pelo menos 32 pessoas e ferindo dezenas de outras, informaram as autoridades iraquianas.

Os relatos do ataque feitos à agência France Presse variam consideravelmente, com algumas fontes a atribuírem-no a milícias xiitas e outras a responsabilizarem os «jihadistas» do Estado Islâmico, um grupo radical sunita.