Os corpos de duas crianças foram encontrados na ilha grega de Kos, no domingo, as mais recentes vítimas da crise de refugiados que já levou 630 mil pessoas a entrar na União Europeia este ano.

Um menino, que aparentava ter menos de um ano, foi encontrado na praia de um hotel no domingo, vestindo calças verdes e uma t-shirt branca.

O corpo em decomposição de outra criança, com calças azuis e uma t-shirt cor-de-rosa, que se acredita ter entre três e cinco anos, foi encontrado no mesmo local, horas mais tarde.

As autoridades acreditam que as crianças pertenciam a famílias de migrantes que tentaram chegar a Kos em embarcações precárias, de acordo com a imprensa grega.

Os dois corpos foram transferidos para o hospital para serem sujeitos a uma autópsia e testes de ADN.