O presidente italiano Giorgio Napolitano anunciou na quarta-feira aos italianos, durante a sua mensagem de Ano Novo difundida na televisão, que se prepara para resignar ao cargo.

Giorgio Napolitano faz 90 anos em junho e disse apresentar «sinais de fadiga».

«Vou abandonar as minhas funções e apresentarei a resignação brevemente, uma opção que está prevista na Constituição italiana».


Segundo o «Wall Street Journal», Napolitano deve aguardar pelo final da presidência italiana da União Europeia para apresentar a resignação.

Giorgio napolitano iniciou um segundo mandato em abril de 2013 depois de um impasse político.