A Alemanha vai homenagear as vítimas do voo 9525 da Germanwings num funeral a 17 de abril, em Colónia. A cerimónia será composta por uma missa e por um ato de Estado, em que devem estar presentes a chanceler Angela Merkel, o presidente alemão Joachim Gauck e representantes de Espanha, França e outros países de onde eram provenientes as vítimas.
 
As cerimónias na catedral de Colónia serão abertas ao público.
 
Também o Governo espanhol está a planear uma cerimónia de Estado, em Barcelona, que se deverá realizar depois do funeral de Colónia. De acordo com o jornal espanhol ABC, que cita fontes do Governo espanhol, há um permanente contacto com as autoridades francesas e alemãs, para coordenar possíveis ações de homenagem às vítimas.
 
Já ontem e hoje tiveram lugar as primeiras homenagens às vítimas da tragédia nos Alpes franceses. As cidades de Dusseldorf, para onde seguia o voo 9525, e de Haltern, de onde eram os 16 alunos e dois professores que seguiam no avião receberam as primeiras missas e cerimónias de homenagem.