Pelo menos 164 pessoas da comunidade LGBT (lésbicas, homossexuais, bissexuais, transsexuais e trangéneros foram assassinadas na Colômbia entre 2013 e 2014, informou na quinta-feira a organização não-governamental Colombia Diversa.

Segundo um relatório da organização, o número de homicídios tem vindo a baixar desde 2010, quando se registaram 172 casos, apesar de se manter a “discriminação e violência por preconceito”.

Em 2011 foram reportados 119 assassinatos e um ano mais tarde foram denunciados 98 crimes, somando 217 casos nestes dois anos.