Um grupo de desconhecidos fortemente armados ajudaram à fuga na terça-feira em Bogotá, Colômbia, de Alexander Urrego, um criminoso de 36 anos que estava a ser transferido da prisão para uma consulta médica, revelou a polícia.

Na ação do grupo armado um polícia e um civil ficaram feridos, explicaram as autoridades policiais ao recordarem que Alexander Urrego cumpria o segundo ano de prisão efetiva depois de ter sido condenado por homicídio agravado, posse ilegal de armas e furto qualificado.

Testemunhas do ataque explicaram que homens fortemente armados intercetaram o veículo onde era transportado o preso, tendo iniciado de imediato uma troca de tiros com os agentes penitenciários e da polícia, tendo Urrego conseguido fugir com a ajuda dos seus cúmplices.