A polícia norte-americana encontrou um túnel de tráfico de drogas, que liga uma casa na cidade de Sonora, no México, a um restaurante abandonado da cadeia KFC na cidade de San Luis, no estado do Arizona, nos Estados Unidos. 

De acordo com os documentos do tribunal, a polícia da cidade de San Louis estava a realizar uma operação STOP, no dia 13 de agosto, quando mandaram parar Ivan Garcia. Durante a revista, os cães dos narcóticos farejaram duas caixas de ferramentas que estavam na carrinha e que continham cerca de 168 quilos de narcóticos.

"[Foram encontrados] 118 quilos de metanfetamina, seis gramas de cocaína, três quilos de fentanil, 19 quilos de heroína. Só o fentanil poderia fornecer três milhões de doses", lê-se no relatório, que acrescenta que a droga encontrada na carrinha corresponde a cerca de um milhão de dólares.

O homem foi detido de imediato e a polícia decidiu prosseguir com a investigação na casa e no restaurante que estava abandonado, mas do qual o suspeito era proprietário. Foi aí que deram com o túnel de 180 metros de comprimento e com quase sete metros de profundidade, distância suficiente para transportar droga entre os dois países. 

A entrada do túnel fica na cozinha do restaurante. Do lado do México a entrada é feita a partir de um alçapão debaixo de uma cama. A polícia acredita que as drogas fossem retiradas por ali com recurso a uma corda. 

Segundo o mesmo relatório, o homem já tinha sido visto a transportar caixas de ferramentas do restaurante abandonado para a carrinha.