A atividade do porto francês de Calais, no Canal da Mancha, foi retomada na noite de sábado, depois da retirada pela polícia de dezenas de migrantes que tinham conseguido entrar num ferry após uma manifestação pacífica de apoio aos migrantes.

Durante a manifestação, que juntou cerca de 2.000 pessoas, grupos de migrantes forçaram uma barricada e entraram a bordo do “Spirit of Britain”, da empresa britânica P&O, proveniente de Douvres e atracado no porto, informou a AFP.

Dos cerca de 150 que tinham entrado no recinto do porto, dezenas forçaram a entrada no navio, tendo bloqueado o acesso ao mesmo.