A polícia francesa teve de disparar para travar um carro que se dirigia para o Museu Militar de Paris, esta quarta-feira.

O veículo fez uma guinada e dirigia-se perigosamente para a fachada do edifício. De acordo com a Reuters, um agente disparou dez tiros contra a viatura até que esta parasse completamente. O condutor foi de imediato detido. 

Segundo o jornal Ouest France, uma fonte policial garantiu que o homem teve um discurso "incorente" e "tentou forçar uma represa, situada numa entrada lateral. Um polícia mandou-o parar e disparou. Não houve registo de feridos".

Uma equipa investigou o veículo para verificar se existiam explosivos dentro do carro, mas não foi confirmada a presença de qualquer ameaça de bomba.

A polícia ainda não identificou o suspeito.

O incidente teve lugar em Les Invalides, onde recentemente foi dada uma cerimónia para recordar as vítimas dos atentados terroristas de 13 de novembro.

Desde os ataques em Paris, onde morreram 130 pessoas, que as autoridades têm estado alerta para possíveis ameaças terroristas.