A fotografia de um tornado sobre o Colorado, nos EUA, foi eleita a melhor do ano pela National Geographic. O fotógrafo James Smart, de Melbourne, Austrália, conseguiu que a sua imagem se destacasse entre as mais de 13 mil submetidas para o concurso de fotografia anual da revista.

“Dirt”, além de ser a grande vencedora do National Geographic 2015 Photo Contest e de conceder ao fotógrafo a possibilidade de participar no Seminário de Fotografia da  National Geographic, em janeiro, foi premiada com 10 mil dólares.

Segundo o Daily Mail, para tirar a fotografia, James Smart teve de perseguir o tornado durante 15 dias.
 

“O tornado estava lentamente a tornar-se maior, enquanto apanhava o pó e o solo do chão. Não estava a mover-se muito rápido, por isso continuámos a aproximarmo-nos até chegar à casa, como podemos ver na imagem.”


Para além da imagem vencedora, foram ainda distinguidas outras duas fotografias, que receberam os prémios de Melhor foto de Pessoas e de Locais. A fotografia de James Smart voltou a ser distinguida na categoria “Natureza”.

Joel Nsadha, de Binghamton, Nova Iorque, EUA, venceu o primeiro prémio na categoria “Pessoas”, com a imagem “At the Playground”, que mostra um jovem do Uganda, sentado sobre a sua posse mais valiosa: uma bicicleta.

O primeiro lugar da categoria “Lugares” foi arrebatado por Francisco Mingorance's, com uma foto intitulada: “Asteroid”. A imagem mostra um pântano em Espanha, que foi destruído por causa de alguns materiais radioativos.