Um tiroteio à porta de uma discoteca na Florida, na noite de domingo, causou a morte a pelo menos duas pessoas e ferimentos em outras 16, algumas com gravidade, de acordo com a imprensa norte-americana, que citam fonte policial.

As autoridades anunciaram, entretanto, a detenção de três pessoas, que abandonaram de carro o local do crime. 

Os disparos foram efetuados no parque de estacionamento do Club Blu, em Fort Myers, cerca das 00:30 locais (05:30 em Portugal Continental), onde alegadamente decorria uma festa de adolescentes.

As duas vítimas mortais são do sexo masculino e tinham 14 e 18 anos. Um dos feridos estava a alguns metros de distância do local do tiroteio.

Por sua vez, os feridos, com idades entre os 12 e os 27 anos, foram transportados para o Hospital Lee Memorial, em Fort Myers, revelou fonte daquela unidade hospitalar ao The New York Times. 

"Dezasseis pessoas foram tratadas no centro de trauma e emergência. Uma das vítimas morreu no hospital", afirmou.

Quatro dos feridos permanecem internados naquele hospital - um deles em estado crítico - enquanto outros dois foram transferidos para outras unidades de saúde. Os restantes já tiveram alta.

Segundo outra afiliada da NBC na Florida, a WPTV, há registo de tiros em dois outros locais de Fort Myers, mas não é claro, ainda, se os incidentes estão relacionados.

As motivações para este incidente estão, igualmente, por apurar.