Uma mulher da Florida (EUA) foi acusada de tentar vender um bebé de oito semanas para poder comprar um carro novo. A avó da criança também estava envolvida no negócio.

A mãe, Stephanie Bigbee, de 22 anos, foi detida terça-feira. Devia receber nove mil dólares para comprar um carro e pagar uma multa por violação de liberdade condicional.

Terá sido a avó, Patty Bigbee, que estabeleceu o preço de 75 mil dólares pela criança de oito semanas, mas acabou por baixar para 30 mil.

Também o namorado da mãe estaria envolvido na venda do bebé a uma familiar. Foi esta última que denunciou à polícia o negócio.

A mãe e o namorado foram apanhados por um agente à paisana que se fez passar por potencial comprador. Os três suspeitos já estão detidos.