Pelo menos duas pessoas morreram nas Filipinas e mais de 520.000 foram retiradas à passagem do tufão Hagupit, que atravessa o arquipélago com ventos de 140 quilómetros por hora e rajadas de até 170 quilómetros por hora, informou a imprensa.

Segundo a estação de televisão local ANC, as vítimas – uma menina de um ano e um homem de 65 anos – morreram devido a hipotermia na localidade de Estancia, na província de Iloílo, no centro do país.

O tufão, que tocou terra na noite de sábado na localidade de Dolores, na província de Samar Oriental (leste), deslocava-se esta manhã em direção a noroeste à velocidade de 15 quilómetros por hora.