A explosão de uma bomba matou, esta segunda-feira, seis pessoas, incluindo um líder tribal sénior pró-Governo, numa região rebelde do Paquistão, junto da fronteira com o Afeganistão, de acordo com fontes oficiais.

O ataque aconteceu na vila de Barkamar, parte do distrito tribal de Bajaur, onde os militares têm estado a combater os talibã e os outros militantes ligados à Al-Qaeda.

"Um explosivo improvisado colocado junto à estrada detonou quando o veículo do líder tribal sénior pró-Governo, Malik Muhammad Jan, passou, causando a sua morte e de mais cinco [pessoas]", disse à AFP o responsável distrital Fayyaz-ul-Haq Sherpao.