«O triunfo de Evo Morales é uma demonstração do êxito do processo revolucionário a favor do povo na nossa querida Bolívia», escreveu o chefe da diplomacia equatoriana, na sua conta na rede social Twitter.