Um homem abriu fogo durante a exibição de um filme numa sala de cinema em Lafayette, Louisiana, nos Estados Unidos, na noite de quinta-feira.

O homem atirou, indiscriminadamente, atingido de forma fatal duas pessoas e deixando outras sete feridas, no meio de uma centena de pessoas que assistia ao filme. No final, o homem acabou por se suicidar.

A polícia já sabe quem é o atirador, mas não revela a identidade, preferindo falar com as famílias das vítimas primeiro. No entanto, as autoridades adiantaram à CNN que “não há nada que faça crer que existiu um motivo” para a ação levada a cabo.

Não está, inclusive, posta de parte a hipótese desta ter sido a tentativa de uma cópia do massacre de Aurora, no Colorado, em 2012, quando um homem, durante a exibição de um filme do “Batman”, matou 12 pessoas. A cobertura dos media ao caso foi exaustiva nos últimos dias, já que o veredicto foi conhecido a 17 de julho. James Holmes foi considerado pelo júri culpado da morte de 12 pesssoas e pode, agora, ser sentenciado à pena capital.