Sete pessoas foram baleadas no total, com algumas das vítimas encontradas deitadas na rua. Dois feridos foram hospitalizados, um dos quais é o autor dos disparos, revelou a polícia local citada pela estação de televisão Sky News.

«Sou xerife há 38 anos e nunca vi tantas vítimas num único tiroteio na minha carreira de 38 anos», afirmou o xerife Stan Copeland à CBS46 News Atlanta.

Os residentes locais afirmam que viram «carro da polícia após o carro da polícia» e vários helicópteros da polícia.

«É muito devastador, nada realmente costuma acontecer aqui», diz um morador, citado pela Sky News.

Não foram ainda identificados os motivos deste tiroteio, nem revelado o número de crianças entre as vítimas mortais.