O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, não vai visitar Cuba a “curto prazo”, mas pode fazê-lo antes de terminar o mandato. A garantia foi dada esta segunda-feira pelo porta-voz da Casa Branca, Josh Earneste.

Segundo Josh Earneste, Barack Obama não prevê visitar Cuba a “curto prazo”, mas não descartou uma viagem à ilha antes de concluir o mandato, em janeiro de 2017.

Em dezembro, depois do histórico anúncio do acordo para restabelecer as relações diplomáticas entre os Estados Unidos e Cuba, o porta-voz afirmou estar seguro de que o Presidente norte-americano não recusaria viajar para Cuba se “houvesse uma oportunidade” para o fazer.