O.J. Simpson conseguiu, esta quinta-feira, ver aprovada a sua liberdade condicional por um coletivo de juízes do Estado do Nevada. Em outubro, a antiga estrela de futebol americano vai sair da prisão. Recorde-se que este se encontra numa prisão do Nevada, Estados Unidos, a cumprir uma pena de 33 anos por assalto à mão armada.

O.J. Simpson, agora com 70 anos de idade, já cumpriu oito anos da pena a que foi condenado em 2008. Na altura, o tribunal deu como provado, por exemplo, os crimes de assalto à mão armada e sequestro, após roubar artigos de desporto colecionáveis que alegava serem seus.

Perto de cumprir os nove anos mínimos de pena, O.J. Simpson pediu liberdade condicional. Depois de ser ouvido em audiência, a ex-estrela de futebol americano viu o pedido aceite.

Os quatro juízes questionaram O.J. Simpson por vídeoconferência, tendo recolhido o seu depoimento, o da sua filha e o da vítima no assalto à mão armada que colocou o antigo jogador na prisão.

Para esta decisão ta,bém terá pesado o facto de Simpson não ter tido quaisquer problemas dentro do estabelecimento prisional.

Recorde-se ainda, que O.J. Simpson foi também o principal suspeito da morte da ex-mulher, Nicole Brown Simpson, e do seu amigo Ronald Goldman. Chegou a sentar-se no banco dos réus, mas acabou por ser ilibado das acusações naquele que ficou conhecido como "O julgamento do Século".