O presidente da Câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, relacionou este domingo as mortes recentes de cidadãos negros às mãos da polícia com as raízes de «séculos de racismo» nos Estados Unidos da América (EUA).

«O problema é sistémico e devemos falar francamente sobre as dinâmicas raciais da nossa história. A nossa polícia protege-nos, mas há décadas que assistimos a problemas. Há uma história de séculos de racismo por trás desta realidade», afirmou o responsável à cadeia televisiva ABC.

«Nós podemos ultrapassar esta situação e, em Nova Iorque, uma nova formação que vai ser dada a todos os polícias vai fazer a diferença», sublinhou.