Um menino de seis anos de Illinois, Brevin Hunter, salvou a família dos tornados mortais que atingiram o centro-oeste dos Estados Unidos, no passado domingo. Após ouvir a sirene de alerta de tornado, o menor pediu à mãe e ao irmão para se abrigarem, escreve o «Chicago Tribune».

Em declarações ao jornal, Lisa Hunter, a progenitora confessa que estava renitente em fazê-lo porque olhou pela janela e o céu «estava limpo». «Pensei que fosse apenas um simulacro ou um funcionário demasiado zeloso», explica.

Mas o menor terá insistido. «Foi assim que nos ensinaram na escola. Quando ouvimos a sirene, temos de procurar abrigo. Vamos para a cave, por favor». A mãe não tem dúvidas em dizer que o filhos os salvou. Se ele não insistisse, ela não teria procurado um local seguro.

Juntou o pequeno Brevin e o irmão mais velho, com 11 anos, recolheu água e alimentos, e foram para a cave. Minutos depois, um tornado gigante destruiu por completo a moradia de dois pisos da família, situada nos arredores de Washington.

Ao todo, os 81 tornados que atingiram os Estados Unidos, mataram oito pessoas. Seis no Illinois e duas em Michigan. Quanto aos feridos, há registo de 37 pessoas, sete em estado grave.