Um esquilo tem aterrorizado os moradores de uma cidade na Califórnia, nos EUA, ao perseguir e atacar os que se cruzam no seu caminho. Os habitantes de Novato foram avisados, pelas autoridades, para cortarem as árvores e removerem dos jardins os alimentadores para pássaros.

Uma vez que os ataques têm ocorrido todos numa pequena área, as autoridades acreditam que os ataques são todos do mesmo esquilo, que não tem medo dos humanos e tem um gosto por sangue. O esquilo terá provavelmente sido criado por seres humanos e adestrado para se sentir confortável junto das pessoas.

De acordo com o “Marin Independent Journal”, o primeiro ataque aconteceu quando o animal caiu de uma árvore sobre a cabeça de um homem. O indivíduo foi aleatoriamente atacado pelo esquilo quando fazia jardinagem e teve que ser tratado no hospital local.

Cinco dias mais tarde, aquele que se crê ser o mesmo esquilo, voltou a atacar. Desta vez, o animal entrou numa escola e atacou um aluno. Como se não bastasse, o esquilo ainda perseguiu e atacou um professor que foi ajudar o aluno.

O ataque mais recente foi a um homem de 78 anos. Richard Williams estava a trabalhar na garagem de casa quando olhou para cima e viu um esquilo cinzento a correr em direção a ele.

“Saltou para cima de mim umas três ou quatro vezes", contou o homem, aflito. "Na primeira vez, veio para cima do meu ombro. Ele estava agarrado com muita força e foi muito difícil retirá-lo. Quando o desprendi, a minha mão e o meu braço foram rasgados. Quando o consegui tirar, ele saltou de volta para cima de mim.”

Norma Williams, a mulher de Richard Williams, ouviu os gritos do marido e foi socorrê-lo, mas o esquilo também a atacou. O homem conseguiu depois agarrar o esquilo pela cauda e atirou-o ao chão. Atordoado, o animal acabou por fugir.

Richard Williams contou ainda que ficou ferido num braço, numa mão e numa perna, além dos lábios e da cabeça. O incidente custou-lhe ainda um par de óculos, que ficaram partidos. A esposa sofreu apenas arranhões nos ombros, mas ambos foram tratados para infeções no hospital local.

As autoridades aconselham os residentes a manterem a calma, numa situação que é considerada única, porque os esquilos normalmente têm medo de seres humanos.