Pelo menos dois soldados foram baleados, esta quinta-feira, perto da base naval de Millington, no Estado norte-americano do Tennessee. De acordo a Marinha dos EUA, nenhuma das vítimas se encontra em estado crítico.

A estação de televisão norte-americana NBC refere que o atirador já foi detido, mas a base naval permanece isolada.

A identidade do suspeito ainda não foi revelada oficialmente, mas a Associated Press, citando uma fonte da Marinha dos EUA que não quer ser identificada, refere que se trata de um recruta que foi dispensado esta quinta-feira de manhã.

Também a estação local de West Memphis, a WREG-TV, que cita fontes anónimas, noticia que o atirador tinha acabado de ser demitido, saiu da base naval e voltou com uma arma.