O México está a investigar a possibilidade de o Governo anterior ter autorizado os Estados Unidos a instalar no seu território um sistema de interceção de chamadas telefónicas e de comunicações pela Internet, informou um porta-voz do Governo.

O Presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, afirmou na noite de quarta-feira que seria «totalmente inaceitável» que os Estados Unidos tenham espionado utilizadores de telecomunicações em território mexicano, segundo o diário «La Jornada».

Peña Nieto acrescentou, porém, «não haver, para já, condições para se alterar o ambiente de respeito e de cordialidade que o México estabeleceu com o Governo dos Estados Unidos».