A primeira ronda de conversações para normalização das relações diplomáticas entre os Estados Unidos e Cuba inicia-se a 21 de janeiro, em Havana, anunciou esta quinta-feira o departamento norte-americano de Estado.

Citada pela agência noticiosa France Presse, Jennifer Psaki, porta-voz da diplomacia dos Estados Unidos, afirmou que a secretária de Estado adjunta para a América Latina, Roberta Jacobson, desloca-se à capital cubana nos próximos dias 21 e 22 de janeiro para discussões com as autoridades locais.

Foi a 17 de dezembro que os dois países anunciaram o restabelecimento de relações diplomáticas.

A aproximação histórica foi possível através de uma troca de prisioneiros. Cuba libertou o norte-americano Alan Gross, que estava detido há quatro anos, acusado de espionagem, e, em troca, os Estados Unidos libertaram três cubanos, também detidos sob acusação de espionagem.