Agentes de patrulha fronteiriça dos Estados Unidos descobriram 17 imigrantes trancados num camião junto a um posto de controlo de Sierra Blanca, no Texas, de acordo com o chefe da polícia do departamento dee Edinburg, David White, citado pela KGBT.

A polícia recebeu um telefonema de um desconhecido, no México, dando conta que um parente estava preso dentro de um camião estacionado no posto de gasolina Flying J, perto da estrada de Monte Cristo.

Segundo o interlocutor, o parente tal como os restantes companheiros, estavam a lutar contras as elevadas temperaturas dentro do camião.

Quando a polícia chegou ao local começou a bater em todos os camiões estacionados, até encontrar os imigrantes sem documentos.

De acordo com um dos polícias, Oscal Treviño, citado pelo mesmo canal de televisão, os imigrantes deviam estar trancados há cerca de oito a nove horas, mas não necessitaram de tratamento médico.  Treviño disse ainda que os imigrantes são da Roménia, Honduras, Guatemala e México.

Um homem e uma mulher de nacionalidade cubana, responsáveis pelo camião foram, entretanto, detidos.

A polícia de Edinburg acabou por comprar pizza e água para os imigrantes após o resgate.

A descoberta ocorre menos de um mês depois que oito pessoas terem sido encontradas mortas dentro de camião em San Antonio, no Texas. Mais duas vítimas acabaram por morrer, mais tarde, no hospital.