O ministério do Interior iraquiano veio esta quarta-feira desmentir a notícia de que a segunda mulher do líder do Estado Islâmico tinha sido detida.

«A mulher detida no Líbano é Saja Abdul

Hamid al-Dulaimi, irmã de Omar Abdul Hamid al-Dulaimi, que está preso e condenado à morte pelas autoridades pela sua participação em ataques bombistas», esclareceu o porta-voz do ministério do Interior iraquiano, que a Reuters cita.

As autoridades libanesas tinham anunciado na terça-feira a detenção da mulher e de um dos filhos do líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, que viajavam com passaportes falsos.