Foi uma tarde fatal na praia de Kelp Beds, na região de Esperance, no sudoeste da Austrália. Uma jovem de 17 anos foi atacada quando fazia surf com o pai, ao que se presume por um tubarão branco.

Meios de comunicação locais indicam que o animal terá arancado uma perna à rapariga. Foi posteriormente socorrida, mas a brutal hemorragia ter-lhe-á sido fatal.

O ataque ocorreu cerca das 16:00 horas locais, 9:30 em Lisboa, na praia de Kelp Beds, entretanto fechada segundo informações avançadas pelo jornal local The Esperance Express.

A morte da surfista foi entretanto confirmada pela polícia da região de Esperance, que endereçou condolências à família.

Tubarão à vista

As autoridades australianas não confirmam ainda a espécie do animal que atacou a jovem. Há, contudo, suspeitas de que terá sido um tubarão branco, já que um exemplar foi avistado junto à costa na semana anterior.

Um serviço local de monitorização avistou um tubarão branco de tamanho médio a 150 metros da praia Two Mile Beach, na passada terça-feira, e novamente o mesmo exemplar a 300 metros de Crazies Reef, um local igualmente próximo do sítio onde ocorreu o ataque.

O ataque desta segunda-feira ocorreu na mesma praia onde, em 2014, o surfista Sean Pollard perdeu a mão direita e o braço esquerdo arrancados por um tubarão.