A polícia espanhola deteve duas pessoas esta madrugada, na Catalunha e nas Canárias, que alegadamente integram o Daesh (acrónimo em árabe do grupo extremista Estado Islâmico), informou o Ministério do Interior em comunicado.

A operação continua em aberto, pelo que não se descarta a possibilidade de haver mais detenções nas próximas horas.

Fontes da investigação indicaram que os detidos são membros de uma rede de captação e doutrinamento de jihadistas.