«Foi uma cimeira histórica (…). Estou certo de que marcará o início de uma nova era regida pelo diálogo respeitoso e cooperação na nossa região.»






mantiveram este sábado conversações históricas no Panamá, no primeiro encontro desde a década de 1950 entre líderes de antigos adversários da Guerra Fria.



«Com o tempo, é possível que possamos virar a página e desenvolver uma nova relação entre os nossos países», afirmou Obama.

Por sua vez, Castro falou em «paciência».

«Estamos dispostos a falar de tudo, mas precisamos de ser pacientes, muito pacientes», afirmou Raúl Castro.