O Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) das Honduras confirmou, esta quinta-feira, Juan Orlando Hernández como Presidente da República, na sequência das eleições de 24 de novembro, apesar do apelo de anulação da esquerda.

«O Tribunal Supremo Eleitoral declarou eleito como Presidente das Honduras por um período de quatro anos, com início a 27 de janeiro de 2014 e fim a 27 de janeiro de 2018, o cidadão Juan Orlando Hernandez», declarou à estação de televisão nacional o presidente do TSE, David Matamoros.

O antigo Presidente das Honduras Manuel Zelaya tinha requerido formalmente, a 06 de dezembro, junto do Supremo Tribunal Eleitoral, a anulação das eleições que deram a vitória ao candidato do partido conservador no poder, Juan Orlando Hernández.