Uma festa de noivado acabou em tragédia esta quinta-feira. A família alugou um barco de recreio para anunciar o noivado. A embarcação navegava a norte do Cairo, no Egito, quando, segundo relatam testemunhas, foi atingida por um cargueiro.

O ministro do Interior egípcio já confirmou a morte de 15 pessoas, entre elas, duas crianças. A agência AFP não tem, no entanto, a confirmação se os noivos se encontram entre as vítimas mortais.

Há ainda seis desaparecidos. Cinco passageiros foram retirados da água com vida.

O capitão do navio de carga foi detido, numa altura em que se intensificam os esforços da polícia marítima para tentar encontrar sobreviventes. Uma luta contra o tempo.