Dois islamitas armados da Irmandade Muçulmana foram mortos hoje num tiroteio com a polícia a norte do Cairo, noticiou a agência oficial Mena.

Segundo a agência, «elementos terroristas da confraria» dispararam contra a polícia na estrada entre as cidades de Tanta e Al-Mahalla al-Kubra, no Delta do Nilo, e tentaram incendiar uma barreira de estrada.

Seguiu-se um tiroteio e os dois islamitas foram mortos. Um terceiro ficou ferido e os restantes, cujo número a agência não precisa, conseguiram fugir.