O FBI prendeu no final de agosto um funcionário contratado da Agência de Segurança Nacional (NSA), onde trabalhou com o conhecido ex-analista Edward Snowden, sob a suspeita de ter divulgado segredos dos Estados Unidos, informou o Ministério da Justiça esta quarta-feira.

O homem detido pela Agência Federal de Investigação foi identificado como Harold Thomas Matin III, de 51 anos, originário de Glen Burnie (Maryland) e que a procuradoria federal acusa de ter roubado material classificado e retê-lo de forma ilegal, precisou em comunicado o Departamento (ministério) da Justiça.

O suposto incidente sugere que, pela segunda vez em três anos, a NSA foi objeto de um roubo de dados, após Snowden ter exposto em 2013 os programas de espionagem em larga escala que a agência de segurança desenvolveu na sequência dos atentados do 11 de Setembro de 2001 nos Estados Unidos.