O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que “estão a ser feitos grandes progressos” em relação ao processo de desnuclearização da Coreia do Norte. Trump confirmou ainda que está a ser planeada uma reunião entre o líder norte-americano e o líder norte-coreano. 

Kim Jong Un falou sobre a desnuclearização (…) não apenas sobre uma suspensão”, escreveu o presidente dos Estados Unidos na sua conta oficial no Twitter.

Donald Trump afirmou ainda que “estão a ser feitos grandes progressos, mas as sanções permanecerão até se chegar a um acordo. A reunião está a ser planeada!” e rejubilou-se pelo facto de ultimamente não terem sido “feitos testes de mísseis pela Coreia do Norte”.

A reunião foi proposta por Kim Jong-un e o convite chegou à Casa Branca através de representantes sul-coreanos em Washington.

O diretor do gabinete de Segurança Nacional da Coreia do Sul, Chung Eui-yong, que liderou a delegação sul-coreana enviada a Washington, entregou a Trump uma carta que lhe enviou na segunda-feira Kim Jong-un, durante uma reunião em Pyongyang.

O encontro entre os dois líderes pode ocorrer em maio, segundo anunciou Chung Eui-yong na quinta-feira, em Washington.