O Alto-Comissário da ONU para os Direitos Humanos, Zeid Ra’ad al-Hussein, afirmou hoje que uma eventual eleição de Donald Trump, o candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, seria perigosa "do ponto de vista internacional”.

“Se Donald Trump for eleito, partindo do que disse até agora, a menos que isso mude, creio que seria perigoso do ponto de vista internacional”, disse o responsável numa conferência de imprensa em Genebra.

“Comentários sobre o uso da tortura, proibida pelo Direito Internacional, ou sobre comunidades vulneráveis que podiam ser privadas dos seus direitos. Os comentários de Trump […] são profundamente inquietantes e alarmantes”, disse.