Pelo menos 30 pessoas morreram hoje quando viajavam num autocarro que caiu num precipício no Estado de Maharashtra, a oeste da Índia, disse à agência Efe uma fonte oficial.

O veículo despenhou-se num desfiladeiro ao início da tarde no distrito de Raigad, tendo sobrevivido apenas um dos seus ocupantes, que saltou do autocarro, disse o superintendente da polícia local, Anil Subash Parashkar.

A mesma fonte explicou que as autoridades continuam a recolher os corpos.

Os passageiros eram empregados da Universidade Dapoli de Agricultura e estavam a fazer este trajeto que fazia parte de uma viagem de dois dias.

Condolências pelas mortes registadas no acidente de autocarro no distrito de Raigad, no Estado de Maharashtra. As minhas condolências para aqueles que perderam aos seus entes queridos”, disse o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, na rede social Twitter.

Os acidentes de tráfego rodoviário são frequentes nas estradas da Índia, por causa das precárias condições dos veículos e devido à falta de respeito pelo cumprimento do Código da Estrada.

Dados do Ministério do Transporte indicam que 150.785 pessoas morreram em acidentes rodoviários na Índia em 2016.