Um acidente de comboio, no sábado, no estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia, fez 123 feridos e 20 mortos, revelaram as autoridades indianas. O acidente aconteceu pelas 17:30 de sábado (13:00 em Lisboa) na localidade de Muzaffarnagar, quando dez vagões saíram da ferrovia Kalinga-Utkal Express, que vinha da cidade de Puri.

O descarrilamento do Kalinga-Utkal Express (Puri Haridwar Express): 20 passageiros morreram e 123 passageiros feridos deram entrada em diferentes hospitais”, informou a Autoridade Nacional de Gestão de Desastres, na sua conta de Twitter.

O ministro dos caminhos de ferro, Suresh Prabhu, que deu por terminadas as operações de resgate cinco horas após o acidente, afirmou durante a madrugada na rede social que começaram os trabalhos de reconstrução no local.

Segundo o ministro, o primeiro vagão descarrilado foi posto de volta na via.

Em janeiro, 29 pessoas morreram e 50 ficaram feridas quando um comboio descarrilou no estado de Andhra Pradesh, enquanto em novembro outro acidente ferroviário causou 146 mortos e cerca de 200 feridos no norte do país.

A rede ferroviária indiana, com 65 mil quilómetros, é a quarta mais longa do mundo, depois da dos Estados Unidos, Rússia e China, e conta com 1,3 milhões de funcionários e 12.500 comboios, que transportam diariamente cerca de 23 milhões de passageiros.