A Guarda Civil espanhola deteve esta segunda-feira na localidade de Múrcia um homem de 38 anos procurado por vários crimes económicos em Portugal e em Espanha, informou esta força policial.

O homem de nacionalidade espanhola, detido no âmbito da operação «Almofada», era um dos «criminosos económicos mais procurados dos últimos tempos», acusado de dezenas de crimes entre os quais falsificação, burla e fraudes de âmbito económico.

A polícia decidiu investigar um carro de alta cilindrada, com matrícula portuguesa, em que viaja um casal espanhol.

O carro acabou por ser seguido até um hotel onde o casal estava alojado, tendo investigações comprovado depois que o homem era procurado por vários crimes.

Depois de ser apresentado a um juiz de instrução, o homem ficou em prisão preventiva.