O primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, comprometeu-se este domingo a isentar de impostos os cidadãos que recebem o salário mínimo, a lançar um referendo sobre a permanência na União Europeia e a diminuir a burocracia para as pequenas empresas.

De acordo com uma declaração do primeiro-ministro a duas semanas das eleições legislativas britânicas, citada pela agência Bloomberg, o líder dos Conservadores britânicos compromete-se ainda a lançar três milhões de estágios para os jovens durante os primeiros 100 dias do seu novo governo, caso vença as eleições marcadas para 7 de maio.

Com as sondagens a não conseguirem prever quem vai ganhar as eleições, o primeiro-ministro está a responder às acusações feitas pelo líder da oposição trabalhista, Ed Miliband, de que os Conservadores são um partido vocacionado para os ricos, de acordo com a análise da agência Bloomberg.