O homem que em junho atropelou um grupo de muçulmanos junto à mesquita de Finsbury Park, no norte de Londres, matando um homem e ferindo outros nove, vai ser condenado por homicídio e tentativa de homicídio.

O tribunal londrino de Woolwich considerou Darren Osborne, de 48 anos, culpado. A sentença será conhecida esta sexta-feira.

Os procuradores do Ministério Público retrataram Osborne como uma pessoa influenciada por ideologias de extrema-direita e "obcecado" pelo ódio aos muçulmanos.

Osborne, natural de Cardiff, no País de Gales, negou a autoria do ataque e alegou que era apenas passageiro da carrinha que atropelou o grupo, conduzida por alguém que identificou apenas como Dave.