Pesa 227 mil toneladas e mede 362 metros de comprimento, 66 de largura e 70 de altura. Podia chamar-se “monstro”, mas foi batizado de Harmony Of The Seas (Harmonia dos mares). É o maior cruzeiro de sempre a navegar os oceanos.

O navio gigante foi lançado ao mar no passado dia 10 de março e cumpriu três dias de testes. Em maio deverá ser entregue a um armador norte-americano. Partiu do porto francês de Saint-Nazaire, onde foi construído.

Tem capacidade para transportar seis mil passageiros, acompanhados por mais de dois mil tripulantes. E para que não haja dúvidas da sua imponência, até dá abrigo a um Central Park, igual ao de Nova Iorque, mas numa escala mais pequena. São dez mil plantas e 52 árvores com seis metros de altura.

A viagem inaugural está marcada 7 de junho. Parte de Barcelona, passa por Roma, Nápoles e Capri, regressando, de novo, à cidade espanhola. São seis dias de viagem no novo gigante dos mares.

Quando embarcarem, serão dadas pulseiras com GPS aos hóspedes, para que não se percam dentro do navio. O cruzeiro promete a Internet mais rápida de sempre a bordo e terá ainda um bar biónico, onde os clientes serão servidos por robots.

Com tanto tamanho, a diversão também é muita. Há paredes de escalada, simuladores de ondas e um campo de basquetebol com dimensões reais. Jacuzzi suspensos, escorregas de água quase sem fim. Musicais da Broadway e espaço para uma sala de cinema 3D.

Mas nada melhor que ver para crer: