Um tigre bebé foi detetado, esta quarta-feira, por cães pisteiros, dentro de um recipiente de plástico azul, pronto a ser enviado por correio.  A inspeção de rotina decorria num posto de correio da cidade de Tlaquepague, no México, quando um dos cães farejou a caixa e deu o alerta.

Em declarações ao New York Post, a polícia esclarece que abriu rapidamente o recipiente onde encontrou a cria enrolada em folhas de jornal com fita adesiva como se de uma encomenda se tratasse.

O animal foi levado para uma clínica veterinária para ser tratado, no entanto, o estado da cria é estável e recuperável.

A polícia federal do México está a investigar o caso e já revelou várias fotografias nas redes sociais sobre o acontecimento.