Os serviços secretos da Coreia do Sul disseram esta sexta-feira que o exército norte-coreano levou a cabo exercícios de guerra química e biológica no âmbito das suas manobras regulares inverno.

Desde o final do passado, o regime de Kim Jong-un realizou mais de 10 exercícios com armas bioquímicas, que representam «uma ameaça real» para o país vizinho, afirmou um responsável dos serviços secretos ao diário «Chosun», citado pela agência espanhola Efe.

Por sua vez, um responsável da Defesa de Seul declarou que este tipo de testes militares de Coreia do Norte são simulações de ataques bioquímicos contra o Sul.