O Governo da Coreia do Sul manifestou hoje apoio ao relatório das Nações Unidas que constata violações massivas de Direitos Humanos na Coreia do Norte e espera que o documento eleve a consciência internacional sobre a situação do país.

Seul «espera que o relatório ajude a elevar a consciência internacional sobre a situação dos Direitos Humanos na Coreia do Norte», refere o Ministério dos Negócios Estrangeiros num breve comunicado.

O Governo da Coreia do Sul salientou os esforços realizados pela Comissão de Investigação da ONU para a Coreia do Norte e comprometeu-se a «reforçar a sua cooperação com a comunidade internacional para melhorar a situação dos Direitos Humanos» no país comunista.