O dirigente norte-coreano Kim Jong-Un ordenou a realização de novos ensaios para testar as ogivas nucleares miniaturizadas que, como garantiu, os cientistas do país desenvolveram, anunciou a agência noticiosa oficial, KCNA, na sexta-feira.

Por ocasião de um disparo de míssil balístico, ao qual assistiu na quinta-feira, Kim Jong-Un sublinhou a importância de efetuar “mais ensaios nucleares para avaliar a potência destruidora das ogivas nucleares fabricadas” pela Coreia do Norte, segundo a KCNA.

Recorde-se que, recentemente, Kim Jong-Un defendeu que o arsenal nuclear da Coreia do Norte deve ficar em “estado de prontidão permanente”. Era uma reação do líder norte-coreano à resolução da Organização das Nações Unidas, que endurece nas sanções contra Pyongyang.