A Coreia do Sul pediu hoje à Coreia do Norte que se abstenha de realizar novos testes de mísseis e que tome uma “decisão inteligente” sobre o assunto.

O Governo responderá severamente às provocações da Coreia do Norte [se acontecer um novo teste balístico]. Espero que o Norte tome uma decisão inteligente”, afirmou um porta-voz do Ministério da Unificação sul-coreano, citado pela agência noticiosa sul-coreana Yonhap.

As declarações surgem pouco depois de a cadeia televisiva norte-americana CNN ter informado que a Coreia do Norte poderia estar a preparar um novo lançamento a propósito do “Dia da Vitória”, nome que o regime de Pyongyang dá ao aniversário do armistício que pôs fim à Guerra da Coreia (1950-53) e que se assinala na quinta-feira.

A Coreia do Norte tem aumentado nos meses mais recentes os seus testes com mísseis balísticos e pretende construir mísseis nucleares que possam alcançar território norte-americano.

Estes testes militares têm sido alvo de críticas severas por parte dos EUA, Coreia do Sul e Japão, mas também por parte da Rússia e China.