Quatro pessoas foram encontradas mortas, esta manhã, num apartamento em Bronshoj, Copenhaga, na Dinamarca.

Segundo a polícia local, uma pessoa foi detida e tratar-se-á de um caso de violência doméstica. No Twitter, a descrição é mesmo de "uma tragédia familiar".

“Fomos alertados para uma disputa doméstica às 7:35 da manhã (hora local) e mandámos uma patrulha, que encontrou várias pessoas assassinadas no apartamento”, afirmou o chefe da investigação, Ove Larsen, ao diário local Ekstra Bladet.

As autoridades descrevem o cenário como “uma visão horrível”, com “muito sangue no apartamento”. Segundo o mesmo jornal, os vizinhos do apartamento ouviram vários gritos e pelo menos uma criança a chorar.

Durante a tarde, a polícia confirmou, no Twitter, que o autor do crime é o pai das três crianças que foram encontradas mortas ao lado do cadáver da mãe. 

A polícia isolou a área e está a investigar o caso.