um acordo de cessar-fogo, com início no domingo

Reunião de líderes em Minsk (Foto: Reuters)





«O acordo de Minsk de hoje [quinta-feira] é uma boa notícia e dá esperança. A esperança é boa, mesmo essencial, mas a esperança não é o suficiente», disse Donald Tusk. «O verdadeiro teste é o respeito do cessar-fogo no solo», acrescentou.


 Merkel e Hollande confirmam mais sanções em «stand-by»


«Mantemos a possibilidade em aberto, caso esses novos acordos não sejam implementados, de que temos de tomar novas medidas», disse Merkel, citada pela Reuters. A chanceler alemã acrescentou que «as sanções já existentes só poderão ser levantadas quando as razões que levaram à sua implementação deixarem de existir».


Reunião de líderes em Minsk (Foto: Reuters)



Se o acordo de Minsk não for implementado «iremos voltar ao procedimento que vocês conhecem... em que serão adicionadas sanções às sanções que já estão em vigor», afirmou Hollande.