Pelo menos seis pessoas morreram e 350 mil tiveram de ser deslocadas à passagem de um ciclone que está a atingir a costa leste da Índia.

Com ventos na ordem dos 200 quilómetros por hora, o ciclone Hudhud já destruiu centenas de árvores e linhas elétricas.

Os estados mais fustigados são os de Orissa e Andhra Pradesh, onde se registaram as vítimas mortais. Duas pessoas foram atingidas por árvores e a outra pela queda de um muro.

O país colocou a Marinha e a Guarda Costeira em alerta máximo e avisou para o perigo de inundações nas zonas costeiras, onde as marés podem subir dois metros acima do normal.  

Alguns voos foram cancelados e os serviços de autocarros e comboios também foram suspensos nas áreas mais afetadas.